A amiga louca

Eu tenho uma amiga muito louca. Ela é aquela que nunca dispensa uma festa e uma cachaça. Adora falar alto, e ri mais alto ainda. É do tipo de gente que quando chega num ambiente nunca passa desapercebida. Não é nada discreta. Se ela bota purpurina, derrama o pote todo no corpo. Se ela torce Leia mais… »

Mó otária

Peguei o rumo de São Paulo com objetivo de fugir. Claro, eu tinha outros compromissos na capital paulista, mas a ideia central era que eu precisava de um tempo fora de casa. Dar umas férias para a cabeça, achar refúgio para o coração cansado. Queria distância da violência do meu estado, que passou a ser Leia mais… »