Que sorte a minha

Eu sou como qualquer pessoa normal, que leva a vida da berlinda entre o planejamento e a sorte. Costumo ser prevenida com a maioria das coisas, uso filtro solar, e tento não andar por becos estranhos. Eu não deixo de tomar sol ou de caminhar os caminhos que quero seguir visitando. É um equilíbrio entre Leia mais… »

Uma carta de amor… próprio

Oi lindona. Eu queria começar essa carta dizendo que você é o amor da minha vida. E que não existe pessoa mais importante no seu mundo do que você. Eu sei, parece um tanto egoísta dizer que você é a pessoa mais importante do próprio mundo, mas é. E a gente esquece que é e Leia mais… »

Felicidade suada

Pronto. Minha cadeira finalmente está na areia sob a sombra do guarda-sol e recebendo o vento que vem do mar. Não foi fácil. Passar protetor em duas crianças, carregar a estrutura de um dia inteiro de praia. Rezar pra Nossa Senhora das Vagas pra achar estacionamento. Montar um castelo de areia. Ver a água do Leia mais… »

Reciprocidade

Reciprocidade. substantivo feminino; qualidade ou caráter de recíproco; correspondência mútua; recíproca, reciprocação. Fiquei em dúvida em como retomar as minhas sessões aqui, porque primeiro precisei de um encontro comigo mesma. O período que vivemos nos últimos dias foi muito único e pessoal, e como falei na sessão anterior, é difícil seguir a diante sem ressignificar algumas relações. Leia mais… »

O Brasil saiu do armário

Eu fiquei divida o mês inteiro sobre criar uma pauta política aqui neste divã. E talvez por isso eu me abstive de escrever sobre qualquer outra coisa nos últimos dias. Porque é difícil manter neutralidade, ou fingir que tem assunto mais importante. Também porque, como eu já pontuei em alguns momentos, esse sempre foi um Leia mais… »

É preciso descansar

Hoje durante o dia eu estava tão emocionalmente esgotada que eu quase mandei um fornecedor a merda, por um erro que eu tinha cometido. Já aconteceu com você? De estar tão brava, e cegamente possuída pelos teus sentimentos, que você sequer conseguia enxergar que o engano era todo seu? Salva pelo gongo, a minha explosão Leia mais… »

O sininho

Eu não sei como foi a educação sexual da maioria das pessoas, mas entendo que a minha foi deveras tranquila. A minha mãe sempre teve um talento natural à maternidade, e ainda que mãe de primeira viagem, creio que ela tenha feito um maravilhoso trabalho, até para aquelas pautas mais complexas, como o assunto sexo. Leia mais… »

1 segundo de escuridão

Mesmo alguém como eu, que divide as próprias sessões de terapia na internet, sei que alguns assuntos são tabus, não importa o nível de coragem ou desprendimento que se cultive. Eu já dividi algumas das partes mais felizes da minha vida por aqui, assim como alguns dos tons mais escuros da minha dor. A gente Leia mais… »

Olho do furacão: a morada do amor

Eu nunca escondi que sempre fui uma solteira faceira. Talvez porque a vida toda eu tenha um espírito dedicado a aproveitar o melhor de todas as fases. Ou talvez não. Talvez eu fosse uma solteira faceira porque tivesse completa certeza que ser e estar “um”, é em suma, mais prático e imensamente mais fácil que Leia mais… »

A primeira década publicitária

É difícil chegar a uma década de algo e não olhar pra trás com no mínimo, alguma ressalva. Eu nunca havia completado 10 anos de nada referente a minha vida adulta, até hoje. Eu me formei há 10 anos. Caralho! 10 anos. Sim, com direito a toga, medo de tropeçar na hora de pegar o Leia mais… »