1 ano de Antônia no Divã

O primeiro aniversário é sempre muito especial, e este não poderia passar em branco. Hoje eu vim aqui, não atrás de um texto como de costume, porque queria olhando no olho de todos vocês dizer muito obrigada.

Obrigada por segurar na minha mão naquele que foi o ano mais difícil da minha vida. Obrigada por viver intensamente comigo este  1 ano de divã. A vocês meu sincero e carinhoso: Muito obrigada!

Fim da sessão – e do ano!

11 ideias sobre “1 ano de Antônia no Divã”

  1. Parabéns Aline, Parabéns Antônia, sempre Antônia… =)) ?
    O aniversário é seu mas o presente é nosso, obrigada por esse ano conosco, obrigada por compartilhar um pouco de nós em você, ou de você em nós, ou seria… ai sei lá o que seria, essa mágica que acontece em seus textos é tão surreal que nem consigo descrever.
    Desejo que este seja apenas o primeiro de muitos anos de Divã que passaremos e comemoraremos, com conquistas e tropeços, mas sempre com alegria e entrega!
    Beijo enorme no seu coração ❤?

  2. Oobrigada a vc,estou detrás da tela acompanhando teu trabalho.
    Ajudas mais do que nunca,a todos que de uma maneira ou outra passando pela vida amam e sofrem tb.
    És muito fofa,Beijao grande e Feliz Ano Novo!

  3. Você é linda, jovem, escreve super bem, nos faz refletir sobre a Vida e os Caminhos percorridos. Você é muito especial e agradeço por fazer parte do seu Sofá! Que venham mais “terapias”, conselhos e que possamos acordar com sua sabedoria que, certamente, não é de agora..
    Bom demais conhecer você melhor Aline/Antônia! Feliz sempre Ano Novo! Que venha 2016!!!!

  4. Aline, sua linda!!! Parabéns por este um ano de Antônia!!! Obrigada por todos os textos, todas as sessões que nos fizeram rir, sorrir, chorar, nos identificar, refletir! Fé e força sempre! E que venha 2016!!! Beijão e feliz ano novo!!!

  5. Parabéns Pkna… deixo aqui meu beijo, meu mais sincero abraço.. E um pra frente é que se anda, por mais quadrado que tenha descido o que se teve que engolir… E um dia, mais tarde a saudade, transforma-se só em amor… O amor que fica…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *